segunda-feira, 5 de setembro de 2016

A vida vem em ondas

“A palavra nem sempre resolve, mas faz parir a arte e possibilita comunicar, dizer ao outro e a si mesmo o que se vive. Nomear é abrir a possibilidade de comunhão, trocar impressões a assim enfrentar o que parecia indizível.”

Insights preciosos como esse povoam o livro de Sebastião Molina Sanches - A vida vem em ondas.*

Tião, como é carinhosamente chamado pelos amigos, é conhecido pela rara sensibilidade, talento com as palavras e refinado humor. É sempre um prazer ouvi-lo falar e ler seus textos. Assim como eu, é frequentador do Café Filosófico, onde chegamos a compartilhar mesa. Ele sempre tem uma pergunta inteligente e oportuna, que na sua elaboração mais parece uma aula sobre o tema.

Há pouco mais de três anos, Sebastião Molina se deparou com a dura realidade do diagnóstico de um linfoma (câncer no sistema linfático). Dessa experiência – uma das ondas da vida – nasceu este livro que é uma pérola daquelas que Rubens Alves tanto falava.

A leitura me emocionou do começo ao fim. O livro é dividido em capítulos que sinalizam cada ciclo do protocolo de tratamento do câncer. Ele consegue captar e expressar a dimensão subjetiva até mesmo da dolorosa rotina hospitalar – e com isso dar um outro significado. De alguma maneira, é preciso encontrar “ilhas de normalidade” quando a vida te coloca diante do impensável. 

 
É possível encontrar formas de celebrar o que merece celebração, já que a vida não se resume à doença. É necessário encontrar humor e poesia, porque a vida é maior do que a doença. Nessas horas, o mundo interno rico fornece os recursos para enfrentamento. A espiritualidade, o autoconhecimento e o cultivo de vínculos de afeto e amizade são fundamentais – e permitem dar sentido à experiência mais desafiadora. 

Um livro delicado, cheio de verdade, humanidade, sabedoria, humor e fé. Inspirador para qualquer travessia de deserto que nos desafie. Uma pérola que merece ser lida. 

Sandra Felicidade

*A vida vem em ondas – enfrentando e superando o câncer. Sebastião Molina Sanches – Campinas, SP: Pontes Editores, 2015.